Quem já tentou tirar um visto para os Estados Unidos sabe que o processo pode ser longo, demorado e burocrático. Muitas vezes, pode-se demorar semanas até conseguir uma marcação. Mesmo assim, os brasileiros que realmente sonham em conhecer a terra do Tio Sam não desistem, nem com novas regras para imigração do governo Trump.

Tentando driblar a longa e morosa lista de espera dos consulados no país, brasileiros procuram outras alternativas. A saída mais popular ultimamente é recorrer ao consulado de um país vizinho para conseguir mais agilidade no procedimento. É isso mesmo que você leu: cruzar as fronteiras para conseguir o visto. Mas como? Por que? Será que compensa? É isso que já vamos explicar.

Viajando para viajar

Parece não fazer sentido nenhum à primeira vista, mas acaba por ser a forma mais fácil e rápida de tirar o visto americano. Muitos viajantes brasileiros estão recorrendo ao consulado dos Estados Unidos em Montevidéu, no Uruguai, para conseguirem o documento. O tempo de espera é bastante reduzido e há muito menos burocracia. Além disso, para quem mora na região Sul do Brasil, uma viagem ao país vizinho é muito mais descomplicada do que a São Paulo, por exemplo, onde fica o consulado mais próximo dentro das fronteiras.

Nos últimos anos, essa tem sido a opção de cada vez mais brasileiros. E como não dar razão à escolha? Além de poder agendar a entrevista para o dia seguinte, a entrega das fotos e a recolha das digitais acontece no mesmo lugar. Em São Paulo, é preciso uma espera de, no mínimo dois dias, além de entrevista e obtenção de dados serem feitas em lugares diferentes. Além disso, para quem vive no Rio Grande do Sul, o Uruguai está muito mais perto. Se formos considerar também os consulados de Brasília e Recife, a distância é um fator com ainda mais peso.

A rapidez também é uma característica na hora da devolução do passaporte. Em Montevidéu, leva, no máximo, 3 dias úteis para que o documento possa ser resgatado já com o visto. Pode ser recebido pessoal no consulado, entregue a terceiros que se façam acompanhar de uma procuração ou enviado por uma transportadora. Se o mesmo for tirado em São Paulo, mais uma demora: a entrega levará pelo menos 10 dias.

Os comentários não representam a opinião do site e nem nos comprometemos em respondê-los; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Sobre o Autor

Redação

O Já Fez as Malas? é feito por e para brasileiros apaixonados por conhecer outras culturas, viagem, gastronomia e para quem sonha em morar fora.

Artigos Relacionados