Como alugar casa na África do Sul em 2019

Saber o que é necessário para alugar casa na África do Sul é, normalmente, uma das primeiras preocupações de quem está de mudança definitiva ou vai passar um tempo no país. O processo é muito parecido com os de outros destinos, mas tem as suas particularidades.

Como o rand está em desvantagem em relação a muitas moedas, inclusive o real, há quem prefira investir e comprar mesmo um imóvel. No entanto, apesar do aluguel ser caro nas cidades maiores, pode ser mais vantajoso alugar do que comprar, especialmente se não houver uma certeza sobre quanto tempo se irá ficar.

O que é preciso para alugar casa na África do Sul

Alugar casa na África do Sul pode ser feito de forma bastante informal, entre particulares e apenas com um contrato celebrado oralmente. No entanto, por questão de segurança e comodidade, a maior parte das pessoas recorre a agentes imobiliários. É sempre mais seguro também fazer um contrato por escrito, que poderá servir de prova em caso de problemas.

Veja abaixo os documentos e valores envolvidos no processo de aluguel em território sul-africano. Apesar da semelhança com outros países, é fundamental conhecer todas as etapas e requisitos para não ser apanhado de surpresa.

Documentos

Os documentos necessários para alugar casa na África do Sul são bastante simples e só precisam confirmar a identidade e idoneidade do interessado. Para isso, é preciso apresentar um documento de identificação (passaporte, autorização de residência) e também os dados bancários. Se estiver empregado, deve fornecer também recibo de vencimento e/ou outros dados da empresa para qual trabalha.

Em posse desses documentos, o agente imobiliário faz uma espécie de investigação para confirmar quem é o candidato a inquilino, pede referências no banco e também no local de trabalho, se for o caso.

Alugueis adiantados e caução

Os alugueis adiantados e a caução são um clássico em praticamente todos os países. Os valores, que pesam no bolso do inquilino, servem para proteger o dono do imóvel de imprevistos e prejuízos. Na África do Sul, normalmente só é pedido o primeiro mês de alguel ao invés de mais meses adiantados.

A caução, devolvido no fim do contrato, é chamado de deposit e corresponde, na maioria dos casos, a cerca de um mês e meio do valor do aluguel acordado. Caso aconteça algo ao imóvel ou ao mobiliário enquanto estiver sob a responsabilidade do inqulino, o valor pode não ser devolvido ou ainda descontado.

Outras taxas

Existem outras taxas que podem ser cobradas e, infelizmente, encarecer um pouco mais o processo de locação. Uma delas é a famosa taxa de reserva, cobrada pelos agentes imobiliários para “segurar” o imóvel enquanto negociam o preço com o dono.Essa cobrança não é institucionalizada, nem acontece em todos os lugares, mas é uma prática comum.

Além disso, algumas agências podem cobrar também pela análise dos documentos, chamada reference check, e uma taxa de registro do contrato. Juntos, os dois procedimentos podem custar, em média, 1.000 randes.

Contrato de aluguel

Como já foi dito anteriormente, o contrato pode ser feito oralmente, mas não é a opção mais segura. Se houver algum desentendimento entre locador e locatário, será sempre a palavra de um contra a do outro. Com um documento por escrito, há sempre a prova, assinada por ambas as partes, do que foi acordado.

No contrato, devem constar as seguintes informações:

  • Nome completo e endereço do locador;
  • Endereço da propriedade que vai ser alugada;
  • Preço acordado para o aluguel;
  • Se houver algum pré-acordo, percentual de aumento periódico do aluguel;
  • Obrigações do locador e do locatário;
  • Condições de encerramento do contrato;
  • Contatos do agente imobiliário, se for o caso.

Inventário

Fazer um inventário é muito comum, principalmente no caso de habitações mobiliadas. Esse documento nada mais é do que um levantamento de todos os objetos que estão na casa e pertencem ao dono do imóvel. Faz-se um registro das condições dos mesmos e isso é levado em consideração no fim do contrato.

Caso esteja tudo em ordem, a caução paga no início do contrato é devolvida integralmente ao inquilino. Se for detectado algum problema com imóvel ou mobiliário por irresponsabilidade do locatário, o inventário servirá para comprovar esta situação e apoiar a não devolução da caução.

Preço dos aluguéis

Depois de anos de um mercado imobiliário aquecido, a África do Sul experimenta agora uma espécie de recessão neste setor. Os preços e taxas elevados dos aluguéis fizeram com que, nos primeiros quatro meses de 2019, a taxa de apartamentos vazios disponíveis para alugar fosse de 7%, a mais alta dos últimos tempos. Em anos anteriores, esse valor nunca passou dos 3%. A inflação a expropriação de terrenos também interferem diretamente nos preços praticados, especialmente em locais como Cidade do Cabo.

Confira abaixo como andam os preços dos aluguéis em algumas das principais cidades do país.

Joanesburgo: No início de 2019, o site de empregos Adzuna fez um levantamento sobre o preço dos aluguéis na África do Sul. O objetivo da pesquisa é os candidatos conhecessem os locais mais baratos do país para morar e quanto do salário teriam que comprometer para pagar o aluguel. Joanesburgo foi considerada uma das cidades com aluguel mais em conta. Lá, apenas 18% do salário mensal era mais do que suficiente para a despesa. Para efeitos comparativos, a recomendação é de que não se comprometa mais do que 30% dos rendimentos com o aluguel.

Ainda de acordo com a pesquisa, o preço médio do aluguel de um apartamento de um quarto na cidade é de 6.305 randes. O valor fica um pouco abaixo do encontrado pelo site Expatistan, onde o aluguel de uma habitação com as mesmas dimensões em uma zona fora do centro da cidade, sai por, em média, 7.174 randes.

Cidade do Cabo: Como já foi dito anteriormente, a cidade enfrenta um complicado momento imobiliário com preços elevados e muitos apartamentos vazios. Neste momento, é o local mais caro do país para se alugar, onde é necessário reservar 38% do salário para arcar com a despesa mensal.

A pesquisa do Adzuna mostra que o aluguel médio de um apartamento de um quarto é de cerca de 11.050 randes. No Expatistan, os valores vão de 7.782 a 11.781 randes por mês para uma habitação com as mesmas características.

Porto Elizabeth: Porto Elizabeth, por sua vez, também surge na lista das cidades mais baratas para alugar casa na África do Sul. De acordo com o mesmo levantamento citado anteriormente, a despesa com aluguel normalmente não ultrapassa os 16% do salário médio local.

A pesquisa encontrou um valor médio de 3.875 randes pelo aluguel de um apartamento de um quarto. De acordo com os dados levantados pelo Expatistan, por sua vez, os preços podem ir de 4.050 a 7.127 randes por um apartamento com as mesmas características. As unidades habitacionais mais caras são as que ficam mais próximas ao centro da cidade.

Pretória: Em termos de preço de aluguel, pode-se dizer que Pretória fica no meio da lista: nem é das cidades mais caras, mas também não é das mais baratas. A despesa mensal ocupa cerca de 20% do salário de um trabalhador que receba a remuneração média praticada na cidade, cerca de 23.754 randes.

O preço médio do aluguel de um apartamento de um quarto, segundo a pesquisa do Adzuna, é de cerca de 4.764 randes. Já no Expatistan, os valores encontrados 6.797 a 8.031 randes.

Durban: Em Durban, cerca de 21% do salário médio mensal, algo em torno de 22.811 randes, vai direto para o pagamento do aluguel, se for o caso. A cidade tem um custo de vida geral relativamente parecido com o de Pretória, e isso se reflete também nos preços dos aluguéis.

De acordo com a pesquisa feita, o preço médio encontrado para um apartamento de um quarto é de cerca de 4.896 randes. No Expatistan, o valores para um apartamento nas mesmas condições ficam entre 5.462 e 8.787 randes.

Sites para alugar casa na África do Sul

Na África do Sul ainda existem muitos anúncios de casas nos jornais, mas a internet acaba por ser o meio mais rápido e eficiente de encontrar um imóvel com as condições desejadas. Veja abaixo uma lista de sites locais que podem ajudar na busca. É importante lembrar, no entanto, que fechar o contrato à distância, sem conhecer o proprietário, agente imobiliário ou imóvel é muito arriscado.

Acompanhe mais dicas também no Facebook e YouTube


Chip com internet nos EUA

Envie e receba dinheiro no exterior

Melhores Hotéis e Hostels

Booking.com

Voos Baratos