6 bolsas de estudos com inscrições abertas em janeiro

Ei, você aí! É, você mesmo! Esse é o seu ano. Sabe aquele sonho de estudar fora que nunca foi concretizado por falta de grana? Tira da gaveta agora mesmo porque o Já Fez as Malas tem a lista das melhores bolsas de estudo em janeiro. São oportunidades para diferentes perfis, mas com um único objetivo: proporcionar um 2018 de muito aprendizado fora do país.

Bolsas de estudos em janeiro de 2018

As bolsas de estudo em janeiro são para graduação, pós e cursos de verão porque a ordem é pensar sempre no futuro. Se nada nessa lista for aquilo que você procura, nada de desistir. As instituições possuem datas diferentes para lançar os seus programas e em praticamente qualquer altura do ano é possível encontrar inscrições abertas. O mais importante é não dormir no ponto e focar no objetivo.

Bolsa Curso de Direito Internacional da ONU

Você tem experiência em Direito Internacional e é fluente em inglês tanto falado como escrito? A ONU tem um oportunidade para candidatos com o seu perfil. Até o dia 8 de janeiro, é possível inscrever-se para as bolsas no Curso Regional de Direito Internacional das Nações Unidas.

A formação acontece de 23 de abril a 18 de maio em Santiago, no Chile. A bolsa inclui , além da participação no curso, passagem aérea, acomodação, refeições, seguro de saúde e o material de estudo. As inscrições são feitas online, através do site do programa.

Curso Hansen de Verão e Liderança em Cooperação Internacional

As bolsas de estudo em janeiro na maioria das vezes são para programas que só começam de fato no fim do primeiro semestre ou mesmo no segundo. Pode ser uma coisa ruim para os ansiosos, mas é uma vantagem para quem precisa de tempo para se organizar. O Curso Hansen de Verão e Liderança em Cooperação Internacional, em San Diego (EUA), por exemplo, só tem início em julho, mas já está procurando candidatos.

Quem tiver interesse em participar deve estar no terceiro ou quarto ano de uma graduação focada em Relações Internacionais, Economia, Diplomacia ou áreas afins; ter entre 20 e 25 anos até 1º de julho deste ano, ter um professor universitário que ateste a proficiência em inglês e ainda ter um passaporte válido e visto dos Estados Unidos. As inscrições vão até o dia 8 de janeiro.

Bolsa Gabriel García Márquez para jornalistas

Jornalistas, essa é especialmente para vocês! Até o dia 11 de janeiro estão abertas as inscrições para mais uma edição do programa da Fundación Gabriel García Márquez para el Nuevo Periodismo Iberoamericano. Serão selecionados 15 jornalistas de todo o mundo para um curso intensivo de 8 dias em Cartagena das Índias, na Colômbia. A bolsa cobre a participação no curso, os materiais utilizados, passagens aéreas, acomodação, alimentação e seguro saúde. Todas as informações sobre o processo seletivo estão disponíveis na página do programa.

Bolsas Eiffel

O governo francês, através do Ministério de Relações Exteriores, está oferecendo bolsas para alunos de mestrado e doutorado. O apoio não inclui as mensalidades da universidade, mas existe a possibilidade de conseguir isso através do programa da instituição. Os valores vão de 1.181 a 1.400 euros por mês. Além disso, estão incluídas também as passagens aéreas, o seguro saúde e uma ajuda de custo para atividades culturais.

As inscrições deste programa especificamente são feitas pelas universidades. O candidato precisa ser aprovado primeiro para um curso e, a seguir, indicar que deseja concorrer às Bolsas Eiffel. A instituição tem então até o dia 12 de janeiro para encaminhar a documentação para o Campus France Paris. Essa é a oportunidade ideal para quem já foi aprovado para um mestrado ou doutorado na França, mas o custo de vida no país é uma preocupação.

Bolsa Minerva

Entre as bolsas de estudos em janeiro, essa é aquela que vai te levar não a um país, mas a sete! A Minerva University tem uma proposta bastante dinâmica de ensino e orgulha-se de afirmar que proporciona aos seus alunos uma experiência global durante os 4 anos de graduação.

A bolsa da universidade vai contemplar um brasileiro que terá todas as suas taxas acadêmicas pagas e mais as despesas de moradia. No total, são 40 mil dólares de apoio. Para se candidatar, é preciso comprovar que não tem condições financeiras para bancar o curso, contar com um excelente histórico escolar e ter realizado atividades extracurriculares relevantes. A disputa certamente vai ser acirrada, mas, é como diz o ditado, que não arrisca, não petisca. As inscrições vão até o dia 15 de janeiro e são feitas através do site da instituição.

Pós-graduação nos Estados Unidos

Todo mundo sabe que estudar nos Estados Unidos custa caro, muito caro, e as despesas já começam no processo de inscrição. Por isso, a EducationUSA vai ajudar quem quer entrar nessa jornada. A bolsa não garante uma vaga de cara, mas cobre os custos da fase de inscrição. Isso inclui traduções, taxas para realizações de provas e consultoria dos profissionais do órgão durante essa fase.

As bolsas não têm limite de idade, mas é preciso ter concluído ou estar concluindo uma graduação ou mestrado no Brasil, ter um nível de inglês avançado e comprovar que não tem grande disponibilidade econômica para suportar as despesas do processo seletivo. Os interessados devem preencher o formulário prévio de candidatura e aguardar as instruções recebidas por email.

Acompanhe mais dicas também no Facebook e YouTube

Veja também:

Atenção: Este conteúdo é de exclusividade do Já Fez as Malas? e não pode ser reproduzido parcial ou integralmente sem autorização prévia. Caso queira referenciar o conteúdo abordado neste artigo, pode-se utilizar um link para a matéria.


Chip com internet nos EUA

Envie e receba dinheiro no exterior

Melhores Hotéis e Hostels

Booking.com

Voos Baratos