Vale a pena morar na Finlândia? Conheça melhor o país

A Finlândia é considerada como um dos melhores lugares para se criar os filhos. A segurança, educação e a qualidade de vida fazem com que o país fique sempre no topo das pesquisas internacionais e seja um dos melhores países para viver. Além disso, o território finlandês é composto por 76% de florestas e a pureza do ar ali é inconfundível. E o acesso a todos esses recursos e benefícios de forma gratuita, junto com uma das taxas mais baixas de corrupção, é o que mais tem atraído estrangeiros. Saiba o que é preciso para morar na Finlândia:

Como morar na Finlândia

Brasileiros podem visitar a Finlândia por um período máximo de três meses sem a necessidade de visto. No entanto, para morar ali é preciso conseguir uma permissão de residência. Essa autorização pode ter caráter temporário (reconhecido por tipo “B), ou contínuo (tipo A).

O visto de residência é concedido em casos de trabalho, estudo, descendência finlandesa, laços familiares com um residente finlandês, retorno de imigração, razões humanitárias, entre outras excepcionalidades.

Para obter esse documento é preciso dar entrada no processo pela embaixada ou consulado finlandês no Brasil. Um formulário deve ser preenchido em inglês, finlandês ou sueco e os documentos necessários para a autorização também devem ser traduzidos para um desses idiomas.

Se a autorização for concedida, o requerente ganhará um cartão biométrico com validade de até cinco anos. E depois de quatro anos ininterruptos como residente legal na Finlândia uma permissão de residência permanente será válida.

Somente depois de cinco anos vivendo legalmente no país o estrangeiro pode dar início a seu processo de naturalização finlandesa. Há algumas exceções que encurtam esse período. Por exemplo: se a pessoa já souber falar o idioma, ela pode solicitar a cidadania com quatro anos de residência na Finlândia. A exceção também vale para cônjuges de finlandeses, refugiados ou pessoas que perderam suas cidadanias em outras nacionalidades.

Em todo o caso, o candidato à cidadania finlandesa deve ter um certificado de proficiência no idioma finlandês ou sueco. São aceitas notas acima de 3 no YKI, ou notas satisfatórias com o Civil Service Language Proficiency Certificate. Os requisitos e formulários de cidadania finlandesa podem ser encontrados neste link.

Custo de vida

Ter educação, saúde, transporte e moradia de qualidade não sai nada barato. Embora ofereça tantos benefícios e recursos gratuitos, o custo de vida na Finlândia pode sair caro. Segundo o site Numbeo, viver na Finlândia é 97,83% mais caro que no Brasil.

  No país não existe uma lei de salário mínimo – as remunerações são definidas de acordo com os sindicatos de cada profissão. Mas, de acordo com o levantamento do Numbeo, a compensação mensal fica entre 1.800€ e 2.800€. O aluguel de um apartamento de um quarto pode custar, em média, 712€, mais 119€ de contas domésticas e cerca de 50€. Então, morar na Finlândia cabe no seu bolso?

Trabalhar na Finlândia

Existem cinco principais vistos de trabalho na Finlândia: o visto para trabalho, para especialista, au pair, para estágios e para esportistas e treinadores. E para qualquer desses casos é preciso já ser aprovado, ter uma família ou vaga garantida pra dar entrada no processo.

Como a Finlândia ainda não possui um programa organizado para imigração de profissionais qualificados, como Austrália e Canadá, o melhor jeito de conseguir uma vaga é entrando em contato diretamente com os empregadores ou conseguindo uma transferência de uma multinacional para lá.

O primeiro passo para quem vai trabalhar na Finlândia, além de conseguir uma oferta de trabalho, é se cadastrar no site EnterFinland. Se a taxa do visto for paga pela internet, ela custará 450€. Em outro caso, ela custa 500€.

Depois, é preciso agendar um horário na Embaixada da Finlândia em Brasília para entregar os documentos pedidos:

  • Formulário OLE_TY1 preenchido, datado e assinado – disponível nesta página
  • Formulário TEM 0.54 preenchido pelo empregador
  • Documentos da empresa (como Yhdistysrekisteriote, equivalente a CNPJ)
  • Passaporte original
  • Cópias de todas as páginas usadas do passaporte
  • Uma foto de acordo com o padrão requerido
  • Comprovante do pagamento da taxa
  • Comprovante do pagamento da taxa de Sedex (Tabela de emolumentos) caso não retire o visto em Brasília
  • Declaração de isenção de responsabilidade da Embaixada caso não retire o visto em Brasília (modelo disponível neste link)

O requerimento leva em média 45 dias para ser analisado pelo Serviço de Imigração da Finlândia. Após deferido, o serviço envia uma carteirinha de visto para a Embaixada. Essa autorização poderá ser prorrogada na Finlândia.

Estudar na Finlândia

Não é preciso saber finlandês para conseguir estudar na Finlândia, pois algumas universidades e instituições oferecem cursos em inglês. Mas, mesmo assim, é preciso ter notas mínimas exigidas em exames como TOEFL ou IELTS para comprovar a proficiência no idioma.

Há uma página onde é possível consultar os programas de estudo disponíveis por nível, idioma ou escola. E além de faculdades e mestrados é possível morar no país por um tempo pelo Ciência sem Fronteiras.

Após ser aprovado em algum curso ou programa de intercâmbio, o estrangeiro poderá dar entrada no processo para tirar o visto de estudante.

Assim como no caso de quem vai a trabalho, é preciso antes de tudo se cadastrar no site EnterFinland e agendar um horário para entrega dos papéis na Embaixada. A taxa cobrada pela internet é de 300€ ou de 330€ para outras formas de pagamento. Os documentos pedidos são:

  • Formulário OLE_OPI preenchido (disponível neste link). No site é possível usar os E-serviços e dar entrada no visto online. Assim o requerente pode acompanhar o processo na Internet.
  • Passaporte original e cópias de todas as páginas usadas do passaporte
  • Carta de aprovação da instituição de ensino superior na Finlândia (incluindo a duração dos estudos)
  • Comprovante de renda (equivalente do mínimo de 560 euros mensais na conta bancária do requerente dependendo da IES ou bolsa no caso de graduação ou mestrado).
  • Seguro de saúde que cobre despesas médicas até 100.000 euros. A apólice do seguro deve conter os seguintes dados: dados pessoais do requerente, validade do seguro, área da cobertura do seguro, o que o seguro cobre, os valores que o seguro cobre.
  • Uma foto 3,6 cm x 4,7 cm de acordo com os padrões
  • Comprovante do pagamento da taxa
  • Comprovante do pagamento da taxa de Sedex caso não retire o visto em Brasília
  • Declaração de isenção de responsabilidade da Embaixada caso não retire o visto em Brasília (modelo disponível neste link)

Vale a pena?

Desfrutar da qualidade de vida do país escandinavo é bem vantajoso para quem tem dinheiro ou consegue um bom trabalho. Mas, viver na Finlândia pode ser complicado para quem não está acostumado com temperaturas extremas e passagens de dias bem confusas: no norte do país o sol não se põe por 73 dias, dando origem ao fenômeno conhecido por “Sol da meia noite”. E no inverno são 51 dias de praticamente escuridão, o conhecido fenômeno da noite polar.

Curiosidades

A Finlândia foi o primeiro país a tornar gratuito o acesso à internet para toda sua população. Mesmo com uma velocidade baixa (1MB), todos os finlandeses conseguem acessar seus e-mails e as redes sociais sem pagar nada. Claro que há opções pagas com velocidades maiores. E o pioneirismo finlandês se estende para outras áreas de tecnologia: o país foi o primeiro a enviar um torpedo de celular da história, em 1993.

A Lapônia, região localizada no norte da Finlândia, é conhecida por ser o lar do Papai Noel.

 

Veja também:

Facebook   Nosso grupo   Twitter   LinkedIn Youtube

[su_service title=”Atenção” icon=”https://www.jafezasmalas.com/wp-content/uploads/2015/06/jfam-simbolo.png” size=”30″]Este conteúdo é de exclusividade do Já Fez as Malas e não pode ser reproduzido parcial ou integralmente sem autorização prévia. Caso queira referenciar o conteúdo abordado neste artigo, pode-se utilizar um link para a matéria.[/su_service]

Envie dinheiro para o exterior com a melhor taxa de câmbio!
Abra uma conta grátis na TransferWise

Chip com internet nos EUA

Envie e receba dinheiro no exterior

Melhores Hotéis e Hostels

Booking.com

Voos Baratos