Morar na Guiana: como trabalhar e estudar

Morar na Guiana é estar em uma mistura entre as culturas britânica, brasileira e indígena na América do Sul. O país, que foi colônia neerlandesa e depois pertenceu ao Reino Unido, é o único que tem como idioma oficial o inglês entre outras nações do continente. Justamente por isso, ele pode ser uma boa opção para quem deseja aprender o idioma em um intercâmbio mais barato e mais próximo do Brasil.

Como morar na Guiana

Brasileiros não precisam tirar visto para ficar na Guiana pelo período de 90 dias. Para ficar mais tempo ali é preciso solicitar uma permissão específica. Existem quatro tipos de permissão no país atualmente, que servem para atividades de turismo, estudos, trabalho e negócios.

Com exceção de turistas, o período mínimo de estadia dos vistos é de três anos. Para quem vai abrir uma empresa ou fazer negócios a estadia é de cinco anos e o visto custa US$140.

Quem tem interesse em obter a cidadania guianense deve ter morado por pelo menos cinco anos no país.

Trabalhar na Guiana

Para trabalhar na Guiana, o candidato deve antes passar por um processo seletivo e ser chamado por uma empresa de lá. Depois, ele precisará preencher um formulário de pedido de visto e seguir os seguintes passos:

  • Informar nome, endereço, e-mail, fax e telefone da empresa patrocinadora e do requerente para o governo da Guiana antes de chegar ao país
  • Atestar que o local de trabalho respeita a regulamentação da NIS e GRA
  • Comprovante de admissão o empregado pela companhia emitido pela empresa e pela imigração

O visto de trabalho na Guiana tem duração de três anos e custa US$140 para ser emitido.

Estudar na Guiana

Caso a duração de um curso ultrapasse os 90 dias permitidos para turismo, brasileiros precisam pedir um visto de estudante para morar na Guiana por mais tempo. Para isso, ele precisa fornecer as seguintes informações na embaixada:

  • Nome, endereço, telefone, fax e e-mail da instituição de ensino onde o curso será ministrado
  • Cópia da carta de admissão do estudante emitida pela autoridade da instituição antes da chegada do estrangeiro no país
  • Endereço e telefone do local onde o estudante se hospedará durante o curso providenciados pela escola
  • Comprovante de renda para o período da estadia

O visto para estudos é emitido na chegada do estudante no país e a instituição que irá recebê-lo será notificada. O preço para emitir essa permissão é de US$140 para cada três anos.

Custo de vida

O custo de vida na Guiana é 22,21% mais caro que no Brasil. Em compensação, o aluguel ali é um pouco mais barato (0,96%). De acordo com o site Numbeo, a média salarial dos guianenses é de US$237.

Para alugar um apartamento de um quarto no centro da cidade é preciso desembolsar entre 300 e 530 dólares. Contas domésticas custam em média US$72 e o transporte mensal sai por US$25.

Vale a pena?

A Guiana pode ser uma boa pedida para quem quer fazer um intercâmbio para aprender inglês e economizar dinheiro. O país faz fronteiras com os estados de Roraima e Pará, no Brasil, e fica entre o Suriname e a Venezuela. A proximidade com o país e com alguns outros destinos da América do Sul e Central podem facilitar as viagens de turismo.

No entanto, as cidades do país ainda não são muito desenvolvidas e o estrangeiro deve estar atento à sua segurança quando estiver por lá.

Quem busca um emprego pode acabar se decepcionando, pois a não ser que a pessoa invista no país, será difícil encontrar muitas oportunidades e empresas de grande porte recrutando expatriados. Isso porque a economia da Guiana é muito dependente da exportação de produtos primários, como minérios, criação de gado, exploração de madeireira e agricultura de cana-de-açúcar e arroz.

Curiosidades

A Guiana é o único país da América Latina cujo idioma principal é o inglês. Seu nome deriva de uma palavra indígena que significa “terra de muitas águas”, devido a seu grande número de cachoeiras e lagos.

Ali, alguns guianenses seguem o hinduísmo e islamismo como religião, mas metade da população é cristã. Influências jamaicanas como o estilo rastafári, cabelo dreadlock e reggae também são fortes no país.

O país está dividido em 10 regiões, e sua capital é a cidade de Georgetown. Outras cidades importantes ali são New Amsterdam e Linden.

Veja também:

Facebook   Nosso grupo   Twitter Youtube

[su_service title=”Atenção” icon=”https://www.jafezasmalas.com/wp-content/uploads/2015/06/jfam-simbolo.png” size=”30"]Este conteúdo é de exclusividade do Já Fez as Malas e não pode ser reproduzido parcial ou integralmente sem autorização prévia. Caso queira referenciar o conteúdo abordado neste artigo, pode-se utilizar um link para a matéria.[/[/su_service]h6>
Envie dinheiro para o exterior com a melhor taxa de câmbio!
Abra uma conta grátis na TransferWise

Chip com internet nos EUA

Envie e receba dinheiro no exterior

Melhores Hotéis e Hostels

Booking.com

Voos Baratos