Bolsas de Estudo na Itália: graduação, mestrado, doutorado e cursos de italiano

Enquanto muitos universitários sonham de alçar voos para instituições inglesas ou norte-americanas, outros aproveitam todas as oportunidades para conquistar graduações e especializações posteriores em países que também abrem portas à brasileiros – e garantem diplomas valiosos. Como exemplo, estão opções em bolsas de estudo na Itália, disponíveis em instituições de ensino de alta qualidade.

Bolsas de estudo na Itália em 2018

Uma vez que os processos de application costumam estar finalizados nos meses de dezembro e janeiro, muitas oportunidades já se encerraram para esse ano. Entretanto, ainda existem prazos a decorrer e para diferentes modalidades de ensino. Confira as bolsas disponíveis e requisitos para candidatar-se.

Bolsas de estudo do governo italiano

Objetivando promover a cooperação internacional no âmbito da cultura, da ciência e da tecnologia, o governo italiano, através do MAECI (Ministry of Foreign Affairs and International Cooperation), está disponibilizando bolsas de estudos para estrangeiros e cidadãos italianos não residentes no país.

A lista de instituições participantes é extensa e os interessados podem concorrer a bolsas para Mestrados, Cursos Superiores em Artes, Música e Dança, Doutorados, Pesquisas Acadêmicas e Cursos de Idioma e Cultura Italianos. Os selecionados receberão um auxílio financeiros mensal de 900€, terão direito a seguro saúde e, dependo da universidade escolhida, também poderão ter isenção de taxas acadêmicas.

Dependendo do curso, a duração da bolsa pode ser de três, seis ou nove meses. Os requisitos para concorrer são:

  • Não viver na Itália atualmente;
  • Apresentar certificado de proficiência em italiano ou inglês, dependendo do idioma em que o curso escolhido for lecionado;
  • Não ter mais que 28 anos ao candidatar-se para Mestrados e Cursos Superiores, mais que 30 para Doutorados ou mais que 40 se escolher o programa de Projetos de Pesquisa.

As inscrições vão até o dia 30 de abril e são feitas exclusivamente online, através do site do MAECI.

Bacharelados na Universidade de Bolonha

A famosa Universidade de Bolonha tem 8 bolsas disponíveis para o ano letivo 2018/2019. Todas elas são destinadas a estudantes internacionais que tenham completado as suas qualificações em uma instituição de ensino fora do território italiano. O programa é válido para bacharelados e tem a duração de um ano. Cada bolsista receberá uma ajuda financeira total de 11.000€ e a isenção completa de todas as taxas acadêmicas.

Um dos requisitos para participar do processo seletivo é fazer o teste conhecido como SAT (Suite of Assessments), uma espécie de prova para nivelar os conhecimentos em áreas como Matemática, Leitura e Escrita.

A lista completa de requisitos está disponível no site da universidade, assim como as instruções para concorrer às bolsas. O prazo para fazer a inscrição acaba no dia 30 de abril.

Bacharelado, Mestrado e Doutorado na Universidade de Padova

Localizada na região de Veneto, a Universidade de Padova conta com diferentes apoios para os estudantes internacionais. Algumas bolsas já encerraram o prazo para inscrições, mas ainda é possível participar de programas como o Padova International Excellence Scholarship e o Regional Scholarships.

Para concorrer ao primeiro, que abrange candidatos para Bacharelados e Mestrados, é preciso:

  • Não ter nacionalidade italiana;
  • Não ter estudado em uma instituição italiana, seja de Ensino Médio, no caso de quem for concorrer a Bacharelados, ou de Ensino Superior, para quem se inscrever em um Mestrado;
  • Ter sido aceito em um curso da universidade ministrado em inglês;
  • Não ter qualquer outro tipo de bolsa;
  • Cumprir os requisitos para obter um visto italiano.

O prazo para concorrer às bolsas Padova International Excellence, que são atribuídas por um ano e podem ser prorrogadas, variam de acordo com os prazos de admissão de cada curso. Cada selecionado recebe 12.000€ e tem direito a isenção total das taxas e mensalidades. Para o mestrado em Ciência Florestal há ainda uma bolsa adicional de 7.500€. Dúvidas e mais informações podem ser obtidas por email: [email protected]

Já as Regional Scholarships são dedicadas a estudantes que tenham baixos rendimentos e que tenham se candidatado a Bacharelados, Mestrados e Doutorados em Padova. Para concorrer, os estudantes precisam preencher os seguintes requisitos:

  • Ter ISEE (Indicador de Situação Econômica) abaixo de 23.000€ e ISPE (Indicador de Situação Patrimonial) abaixo de  35.434,78€;
  • Ter sido admitido em um dos cursos da Universidade de Padova;
  • Cumprir as condições para obter um visto italiano;
  • Não beneficiar de nenhuma outra bolsa nacional ou internacional.

O valor do apoio varia de acordo com a situação financeira do selecionado, que pode ter ainda direito a isenção de taxas acadêmicas e outros serviços gratuitos, como acomodação.

De acordo com o site da instituição, as inscrições geralmente abrem em julho e encerram no fim de setembro.

Acompanhe mais dicas também no Facebook e YouTube

Veja também:

Atenção: Este conteúdo é de exclusividade do Já Fez as Malas? e não pode ser reproduzido parcial ou integralmente sem autorização prévia. Caso queira referenciar o conteúdo abordado neste artigo, pode-se utilizar um link para a matéria.


Chip com internet nos EUA

Envie e receba dinheiro no exterior

Melhores Hotéis e Hostels

Booking.com