Morar em Aveiro em 2019: tudo sobre custo de vida, trabalhar e mais

Decidir morar em Aveiro é habitar naquela que é conhecida como a “Veneza portuguesa”. No canal que passa pelo meio da cidade, é possível andar em um tipo de barco chamado moliceiro e apreciar a bonita vista.

Mas morar em Aveiro engloba muitas outras questões e particularidades. Com menos de 80 mil habitantes, fica a cerca de 1 hora de viagem do Porto, oferece um custo de vida mais baixo e mais tranquilidade quando comparada com outras cidades. No entanto, o mercado de trabalho pode ser um pouco decepcionante para alguns setores.

Tudo sobre morar em Aveiro em 2019

Localizada na zona Centro de Portugal, Aveiro é considerada uma cidade de médio porte e com uma economia dinâmica e ocupa a 12ª posição no ranking das melhores cidades para se viver em Portugal. Possui uma excelente oferta turística, sendo constantemente classificada como um dos locais mais românticos do país. Veja mais detalhes sobre como é morar em Aveiro e se vale a pena investir nessa experiência.

Visto

As regras para morar em Aveiro são as mesmas que se aplicam para morar em qualquer outro lugar do país. Por isso, é preciso conhecer primeiro os tipos de vistos disponíveis para Portugal. Quem vai para uma estadia de até 90 dias, não precisa se preocupar com a autorização. O viajante fica incluído na categoria de turista e, claro, não tem autorização para trabalhar ou exercer qualquer outro tipo de atividade remunerada durante este período.

Se a duração e o objetivo da viagem forem outros, é preciso ter um visto adequado para o efeito. É possível morar em Aveiro como estudante, investidor, trabalhador, freelancer e até aposentado, desde que se faça a solicitação da autorização de residência de acordo com o propósito. No caso dos brasileiros que tenham nacionalidade portuguesa, o necessidade de visto é dispensada.

Custo de vida

A boa notícia para quem pensa em morar em Aveiro é que a cidade não está entre as mais caras de Portugal e essa é, inclusive, uma das suas vantagens: oferecer uma ótima qualidade de vida por preços bem mais razoáveis que Lisboa e Porto, por exemplo. De acordo com o site Expatistan, Aveiro é 17% mais barata que Lisboa. Quando comparada com cidades brasileiras, continua a ganhar: o custo de vida é 9% mais baixo que no Rio de Janeiro e 14% mais baixo que em São Paulo.

No quesito moradia, que é um dos que mais tem preocupado quem vem morar em Portugal por conta da alta dos preços, é possível encontrar valores aceitáveis. Para um apartamento de 1 quarto no centro da cidade, o preço a ser desembolsado vai de 400€ a 550€. Se a habitação nas mesmas condições for fora do centro da cidade, o valor já fica entre 250€ e 450€. Aqueles dispostos a combrar uma unidade habitacional devem se preparar para encontrar um intervalo de preços bem variado: de 800€ a 4.000€ por metro quadrado, dependendo da localização.

As despesas com eletricidade, água, aquecimento e gás ficam por, em média, 92€ por mês para um apartamento de 85 metros quadrados. Quando o assunto é alimentação, é esperado um gasto mensal de cerca de 176€ para manter um dieta diária de cerca de 2.400 calorias. A média de preço dos planos de internet e telefonia é de 28,11€ por mês.

Outros valores médios que podem ser úteis para quem cogita morar em Aveiro:

  • Mensalidade de creche particular em período integral: 300€
  • 1 mês de academia: 29,25€
  • Refeição para dois em um restaurante de médio porte com entrada, prato principal e sobremesa: 28€
  • 1 minuto de ligação (chamadas locais): 0,18€

Transporte

É fácil deslocar-se em Aveiro fazendo uso de transporte público. Apesar de não ter metrô, a cidade tem uma rede de ônibus coletivo com boa cobertura. O bilhete único custa, em média, 1,80€ e o passe mensal algo em torno de 40€. Para outras cidades, há linhas de ônibus e também de trem. Com 1 hora de viagem, chega-se ao Porto e, em 2 horas, chega-se a Lisboa.

Por ser uma cidade menor, os problemas comuns de muito trânsito pelas ruas não é algo preocupante. Quem pensa em investir nos deslocamentos de carro, deve saber que o preço do litro da gasolina ronda os 1,50€. No entanto, dá facilmente para se deslocar a pé pelos principais pontos da cidade ou até mesmo investir em uma bicicleta para fazer os trajetos habituais.

Saúde

No quesito saúde, Aveiro pode trazer alguns entraves aos habitantes ou candidatos a habitantes. A cidade conta apenas com dois hospitais, o Hospital Infante D. Pedro e o Hospital da Luz, um público e o outro particular, respectivamente. Isso acaba por restringir as opções de quem procura atendimento médico.

O número de centros de saúde também é reduzido e a espera por uma consulta simples pode ser longa. No entanto, a taxa de satisfação da população com os serviços de saúde locais é de mais de 78%.

Trabalhar

Aveiro pode ser considerada uma cidade bastante industrial e a maioria dos empregos locais disponíveis são em fábricas, principalmente as que trabalham com a produção do sal. No entanto, e seguindo a tendência nacional, todos os mercados ligados ao turismo tiveram um crescimento na oferta empregatícia nos últimos anos. No verão, o aumento do número de vagas nesses setores é notório.

De acordo com o Numbeo, a média salarial na cidade, depois dos descontos de imposto, fica em torno de 818€. Vale lembra que, no país, o salário mínimo é atualmente de 600€.

Estudar

Se a saúde já não pode ser considerada um destaque da cidade, o mesmo não se pode dizer da educação. Felizmente, Aveiro conta com um sistema de ensino de respeito, desde os anos iniciais da escola até à universidade, passando também pelo ensino técnico. O município está a ser cada vez mais procurado por estudantes internacionais para intercâmbios na graduação e frequência nos programas de mestrado e doutorado.

A imponente Universidade de Aveiro é a maior referência da região e, para a felicidade dos estudantes brasileiros, também está entre as instituições que aceitam a nota do ENEM como forma de ingresso.

Lazer e atrações da cidade

Aveiro é uma cidade litorânea e só esse fator já atrai muitos turistas, especialmente no verão. A Praia da Costa Nova é a mais conhecida do local e é lá também onde é possível ver de perto as famosas “casinhas coloridas” que são, na verdade, antigos palheiros. Também dá para se hospedar em algumas delas e desfrutar da época mais quente do ano com a vista privilegiada. Ainda no roteiro mais praieiro, o visitante pode conhecer as tão características salinas da região e fazer uma degustação de ostras.

Dentro da cidade, a pedida é fazer um passeio de moliceiro ou simplesmente caminhar pela Ria de Aveiro para apreciar a sua bela arquitetura. Importante provar os tradicionais ovos moles, doce típico local,em qualquer um das confeitarias da cidade.

Vale a pena morar em Aveiro?

Para os padrões brasileiros, Aveiro é uma cidade pequena. Quem está acostumado com a efervescência e a vasta oferta de serviços e produtos em uma cidade grande, pode sentir uma certa dificuldade em adaptar-se. Por outro lado, quem procura desacelerar e viver uma vida mais tranquila, tem aqui um local perfeito para fazer isso.

A cidade tem muitos espaços ao ar livre, baixíssmos índices de violência e dá para fazer quase tudo à pé. Além disso, fica próxima dos grandes centros do país e é ligada por boas estradas, o que facilita o deslocamento se for necessário. No entanto, a opções limitadas de serviços de saúde e também de vagas de emprego, dependend da área, podem pesar na decisão de algumas pessoas.

A nossa colunista Érica Minchin mudou-se recentemente para Aveiro e compartilha na sua coluna algumas informações sobre a vida na cidade, inclusive, o que a levou a morar lá.

Acompanhe mais dicas no Facebook, Instagram e YouTube

Veja também:

Receba e envie dinheiro de Portugal sem conta bancária!
Abra uma conta grátis na TransferWise agora mesmo

Chip com internet nos EUA

Envie e receba dinheiro no exterior

Melhores Hotéis e Hostels

Booking.com

Voos Baratos