Com o intuito de aperfeiçoar suas habilidades em outro idioma e se destacar no mercado de trabalho, muitos têm saído a procura de estudar inglês no Canadá e EUA, principalmente, para viver essa imersão cultural.

Mesmo que os Estados Unidos esteja entre os destinos mais desejados para aperfeiçoar o inglês, o Canadá tem ganhado destaque na programação dos brasileiros, e os motivos são muitos. Entre eles podemos listar a maior facilidade de obtenção de vistos, permissão para trabalhar, e custos que podem sair até 30% mais baratos sem abrir mão de um ensino de qualidade, já que algumas das melhores escolas de idioma do mundo se encontram em território canadense.

Qual é o preço para estudar inglês no Canadá?

Estudar inglês no Canadá pode ser um excelente opção, mas não deixa de envolver uma série de custos que devem ser considerados antes de tomar uma decisão. Afinal, não faltam agências para oferecer os mais variados pacotes para quem possui tal propósito, mas o ponto principal é saber escolher a província onde deseja estudar, o tempo de duração do curso e a época do ano em que deseja realiza-lo, pois tudo isso irá influenciar diretamente na sua experiência, e principalmente nos valores obtidos.

Escolas de inglês no Canadá

Abaixo, listamos algumas opções disponibilidades por diversas escolas de idiomas canadenses, lembrando que os valores cotados podem variar de acordo com datas e opções selecionadas.

PGIC

Com unidades em Vancouver e Toronto, o colégio PGIC mostra-se como um dos melhores custo-benefício encontrados para estudar inglês no Canadá. Entretanto, é importante se atentar aos gastos com hospedagem e alimentação, já que o custo de vida nas grandes cidades é elevado.

Carga horária: 15 aulas semanais
Período: Matutino
Preço: R$500,00 por semana, tanto para Vancouver quanto para Toronto.

ALI Montreal

ALI foi fundada em 1993 e cerca de 14% de seus alunos são brasileiros. Além dessa característica, a escola é conhecida por oferecer muitas atividades extras, praticadas fora de sala de aula.

É importante frisar que a escola está localizada na província de Quebec, e eventualmente o aluno terá algum contato também com a língua francesa.

Carga horária: 20 horas semanais
Período: Matutino
Preço: R$ 709,00 por semana

CES

O destaque da CES é oferecer o ensino em inglês voltado tanto para o convívio pratico quanto para o acadêmico. Suas unidades estão disponíveis apenas na cidade de Toronto.

Carga horária: 20 horas semanais
Período: Matutino
Preço: R$550,00 por semana

Cornerstone

A Cornerstone possui unidades em Toronto e Vancouver, por onde conquista a aprovação de seus alunos a cada ano. Atualmente é considerada uma das melhores escolas de inglês o Canadá.

Carga horária: 20 aulas semanais
Período: Matutino
Preço: R$531,00 por semana em Toronto. Para Vancouver não estão disponíveis cursos para cotação no momento.

Global Village

Com escolas em Calgary, Toronto, Victoria e Vancouver, a Global Village é classificada como uma escola de nível Premium, e portanto os preços são um pouco mais elevados que a maioria. Entretanto, esse custo é justificável com uma qualidade de ensino impecável.

Carga horária: 20 aulas semanais
Período: Matutino
Preço: R$ 709,00 por semana em Calgary e em Victoria

ILAC

Outra escola a oferecer um curso de qualidade Premium e excelentes recomendações de alunos e ex-alunos, a ILAC restringe sua atuação com unidades em Toronto e Vancouver, apresentando um custo de vida mais elevado.

Carga horária: 30 aulas semanais
Período: Matutino
Preço: R$ 768,00 por semana em Toronto e em Vancouver

ILSC

A ILSC foi fundada ainda em 1991 e desde então firma seu espaço entre as melhores e maiores escolas de idiomas do Canadá, com unidades em Montreal, Toronto e Vancouver. Todas oferecem cursos de qualidade considerada Premium.

Carga horária: 18 e 17 aulas semanais para Toronto e Vancouver, respectivamente
Período: Noturno (Toronto) e Matutino (Vancouver)
Preço: R$ 494,00 por semana em Toronto e R$ 564,00 por semana em Vancouver

KGIC

Possuindo unidades nas cidades de Halifax, Toronto, Vancouver e Victoria, a KGIC permite não somente aos alunos uma excelente infraestrutura, como um indiscutível custo-benefício nos cursos oferecidos, uma vez que aplica ensino integral.

Carga horária: 28 aulas semanais
Período: Integral
Preço: R$ 999,00 por semana em Vancouver. Para Toronto, Halifax e Victoria não foi possível encontrar cursos disponíveis para cotação no momento.

Veja o custo de vida no Canadá

Pode estudar e trabalhar ao mesmo tempo?

Certamente, estudar inglês no Canadá proporcionará um peso positivo para aquele que investiu seu tempo e dinheiro na modalidade. Entretanto, ao longo desse período longe de casa, algumas pessoas podem se ver diante de um impasse quando se perguntam se podem ou não trabalhar durante o curso e assim obter uma renda extra para arcar com os custos dessa experiência.

Para alívio de uma pequena parcela de estudantes, é possível estudar e trabalhar ao mesmo tempo no Canadá desde que seu curso tenha duração total entre 6 e 12 meses. A exemplo, a maioria dos programas permite ao estudante frequentar o curso durante os 3 primeiros meses e trabalhar nos demais 3 meses complementares. Mas por que pequena parcela?

A porcentagem é pequena pois os cursos de inglês tradicionais não concedem o direito a trabalhar em concomitância. Isso acontece pois os cursos de inglês se tornaram uma porta de entrada desenfreada para a imigração ilegal, sendo então vetados.

O trabalho é permitido durante 20 horas semanais somente para aqueles que possuam a permissão para estudo e estejam matriculados em instituições que concedam a permissão também para trabalhar. Esse permit é possível em um curso de carreiras (vocational program), em um career college ou mesmo cursos de nível superior.

Normalmente não se obtém grandes empregos, onde a maioria está presente no setor de serviços, atendimento ao público e hotelaria. Mas são trabalhos relativamente fáceis de se conseguir uma vaga, e apesar de geralmente pagarem o salário mínimo – uma média de CAD$ 10,25 por hora, dependendo da província -, representam uma ajuda considerável para quem arca com as despesas de estudo e sustento.

Que tipo de visto pedir?

Com relação ao visto, o processo é simples, de forma que se o curso tiver duração inferior a seis meses, deverá ser solicitado um visto de turismo ou de estudo, desde que contenha a observação para a data final do curso. Novamente, salientamos que com esse tipo de visto em mãos, o estudante não terá direito a trabalhar no país.

Para os estudos de até seis meses, o estudante deverá apresentar à imigração uma carta de aceitação da escola, anexando-a juntamente aos demais documentos padrão. Caso o curso exceda as 24 semanas, pode-se aplicar para um visto de estudante anexando a carta de aceitação da instituição, bem com um formulário de permissão de estudo.

Saiba mais sobre os tipos de vistos para o Canadá.

Gostou desse post? Compartilhe e acompanhe mais dicas também no Facebook e YouTube

Veja também:

Facebook     Nosso grupo      Twitter    Youtube

Comentários do Facebook

Sobre o Autor

Heloisa Von Ah

Apaixonada por cinema, gatos e tecnologia, descobriu que viajar também é indispensável. Percebeu que o mundo é bem maior que uma cidade do interior paulista e após mais de um ano em Portugal, aguarda a próxima aventura.

Artigos Relacionados