O que é TEF? Conheça o teste de proficiência em francês

Criado em 1998, o TEF, ou Test d’Évaluation de Français, consiste em um teste de proficiência na língua francesa, sendo este certificado pela CCIP – Chambre de Commerce et d’Industrie de Paris. Com essa certificação em mãos, o candidato interessado em viver, trabalhar ou estudar em países como França e Canadá ganha pontos no quesito residência permanente ou mesmo naturalização.

O que é o TEF?

De maneira sucinta, o TEF tem como objetivo avaliar a proficiência do candidato no idioma Francês, certificando-o assim para uma série de procedimentos com finalidades de imigração, estudo ou trabalho, seja na França ou no Canadá, também com certificação específica para a província de Quebec.

Podem se inscrever candidatos a partir de 16 anos de idade, não sendo necessário comprovar nenhum grau prévio no idioma para realizar o exame.

Como funciona

Dividido em três partes não separáveis, a primeira parte do TEF acontece através de questionários de múltipla escolha, respeitando a seguinte estrutura:

  • Compreensão Escrita: são 4 sessões de 50 questões com duração de uma hora;
  • Compreensão Oral: também 4 sessões, com 60 questões ao todo. A duração é de quarenta minutos;
  • Léxica e Estrutura: 4 sessões de 40 questões. A duração é de trinta minutos.

Em geral, estima-se para essa parte uma duração total de 2 horas e 30 minutos, já considerando demais formalidades que acontecem antes e após os testes. Finda a avaliação de múltipla escolha, o candidato passa para mais duas etapas rumo ao final do teste, estas com duração total de 1 hora e 15 minutos.

  • Expressão escrita: com 2 sessões de uma hora, o candidato precisa comprovar a sua capacidade de se expressar em francês através da escrita;
  • Expressão oral: são 2 sessões de 15 minutos no total. Nela, o candidato será avaliado a partir da conversa com um interlocutor.

Ao final, o candidato será avaliado por uma banca de professores, de forma completa e precisa. A banca é a mesma para todos os inscritos. Após essa fase, o teste será encaminhado para o Centro de Língua Francesa, garantindo o mesmo critério e rigidez de avaliação para todos.

Como método de avaliação, o TEF utiliza-se de uma escala de 7 níveis, que vão desde o nível 0+ (habilidades básicas) até o nível 6, onde o candidato apresenta controle total sobre o idioma. Tal escala se refere a 6 habilidades níveis A1 a C2 estabelecidos pelo Conselho Europeu, e aos 12 níveis do Canadian Language Benchmarks (CLB).

Assim como alguns outros testes de proficiência, o TEF é realizado totalmente online, ainda que em alguns centros de aplicação ele possa ser disponibilizado em versão impressa.

Não existe um intervalo mínimo em que o candidato poderá fazer novamente o teste, entretanto, aconselha-se um espaço mínimo de 2 meses entre uma data e outra, para uma nova tentativa. Isso é alertado pois são diversas as autoridades canadenses que não aceitam os resultados obtidos antes desse período.

Informações esmiuçadas, bem como exemplos das questões praticadas nos exames podem ser encontrados no Manuel du Candidat, disponibilizado pelo site da Aliança Francesa.

Quem deve fazer?

O TEF é direcionado como única certificação válida nas seguintes finalidades:

  • Estudar na França;
  • Obter nacionalidade francesa;
  • Imigrar para o Canadá, bem como obter cidadania canadense;
  • Imigrar para Quebec (TEFaQ);
  • Certificar o seu francês em um espectro profissional, avaliar o nível de francês de candidatos em um processo de recrutamento, certificar estudantes como parte de uma formação ou transferência, etc.

De acordo com a versão do TEF escolhida, a pontuação e as exigências podem variar. Veja quais são os testes obrigatórios em cada modalidade:

  • TEF para estudos na França: obrigatório testes de Compreensão Oral, Compreensão Escrita, Léxica e Estrutura e Expressão Escrita;
  • TEF para naturalização francesa: são obrigatórios os testes de Compreensão Oral e Expressão Oral;
  • TEF para imigrar para o Canadá: Compreensão Oral, Compreensão Escrita, Expressão Oral e Expressão Escrita.
  • TEF para cidadania canadense: Para quem for aplicar para a cidadania, são obrigatórios os testes de Compreensão Oral e Expressão Oral;
  • TEF para ter acesso à Quebec (TEFaQ): são obrigatórios os testes de Compreensão Oral e Expressão Oral, e opcionais os de Compreensão Escrita e Expressão Escrita.

Quando e como se inscrever?

Se estiver preparado para realizar o TEF, será preciso fazer a inscrição dentro dos prazos e normas estipuladas pelo centro aplicador, em conjunto com a CCI Paris Ile-de-France.

No Brasil, o TEF é realizado pela Aliança Francesa, a única instituição autorizada a aplica-lo. Estão disponíveis unidades nas cidades de Belém, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Florianópolis, Fortaleza, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo.

As datas para realizar o teste, bem como períodos de inscrição para 2017 são os mesmos para todas as unidades, entretanto os horários podem variar de acordo com o centro escolhido. Confira as datas:

  • 10 de Maio: inscrições de 06 de Março até 07 de Abril
  • 13 de Setembro: inscrições de 10 de Julho até 09 de Agosto
  • 06 de Dezembro: inscrições de 09 de Outubro até 07 de Novembro

Para aplicar, será preciso imprimir, preencher, assinar e colocar uma foto (3×4, colorida) na ficha de inscrição. Em seguida, digitalize o documento e envie-o por email para [email protected], informando também o seu número de RG e CPF. Não se esqueça de digitalizar também uma imagem do seu RG ou passaporte, contendo sua foto e assinatura.

Em resposta, o candidato receberá um boleto para efetuar o pagamento da inscrição, bem como contrato e requerimentos para a realização do exame. Após o pagamento e assinatura dos documentos, envie os comprovantes novamente para o email acima. Aguarde pela confirmação da inscrição e, em seguida, pela convocação uma semana antes da prova.

O custo para as provas obrigatórias (os três primeiros grupos) estão em R$ 445 e as de Expressão Escrita e Oral, R$ 223 cada. No total, o valor será de R$ 891. Lembrando que se houver menos de 03 inscritos para o dia selecionado, será cobrada uma taxa adicional aos candidatos.

Em caso de desistência após a inscrição ou não comparecimento no dia da prova, não haverá reembolso nem transferência desse crédito a outro dia de aplicação do exame.

Gostou deste artigo? Acompanhe mais dicas também no Facebook e YouTube

Veja também:

[su_service title=”Atenção” icon=”https://www.jafezasmalas.com/wp-content/uploads/2015/06/jfam-simbolo.png” size=”30″]Este conteúdo é de exclusividade do Já Fez as Malas e não pode ser reproduzido parcial ou integralmente sem autorização prévia. Caso queira referenciar o conteúdo abordado neste artigo, pode-se utilizar um link para a matéria.[/su_service]


Chip com internet nos EUA

Envie e receba dinheiro no exterior

Melhores Hotéis e Hostels

Booking.com